Metal na Lata

Rhapsody Of Fire – “Challenge The Wind” (2024)

Rhapsody of Fire
Compartilhe

Rhapsody Of Fire – “Challenge The Wind” (2024)

AFM Records
#SymphonicPowerMetal

Para fãs de: Blind Guardian, Twilight Force, Avantasia

Texto por Luiz Gustavo Santos

Nota: 7,0

O Rhapsody of Fire, que tocou em São Paulo recentemente após mais de 10 anos longe do país, apresenta ao mundo seu décimo quinto disco completo de estúdio, com lançamento ao final do mês de maio. É bom destacar que essa é a banda original, formada em 1995 e capitaneada pelo tecladista Alex Starapoli. Favor não confundir com as outras versões do “Rhapsody Verso”, originado pelo racha entre Alex, o guitarrista Luca Turilli e o vocalista Fabio Lione.

A sonoridade da banda é bem nichada, gerando belas torcidas de nariz de boa parte dos fãs de Metal mundo afora. E os caras não fazem questão alguma de mudar isso. Pregando para os convertidos, o Rhapsody segue lançando discos no formato que o consagrou: músicas rápidas, épicas, com muitas orquestrações e corais, e pedal duplo comendo solto. É Metal Espadinha na veia e sem o mínimo de hesitação.

Porém, convenhamos, daria para variar um pouco. Tecnicamente a banda é impecável, e Alex Starapoli tem sem mostrado um excelente compositor ao longo dos anos. Por isso, me incomoda um pouco ouvir um disco repleto de mesmices. O que soava impressionante e revolucionário no meio dos anos 90, parece repetitivo 30 anos depois.

Na minha opinião, a banda acerta quando bota um pouco mais de brilho nas guitarras e tenta sair dos seus próprios lugares comuns. É o que ocorre em “The Bloody Pariah” e, principalmente, em “Vanquished by Shadows”. Essa sim uma música brilhante, digna de figurar entre os grandes clássicos dos italianos. Com mais de 16 minutos de extensão, a faixa passa por momentos agressivos, variações rítmicas dignas de Prog, belíssimos riffs, tudo sem perder a essência da banda. Uma grande viagem que praticamente salva o disco de ser apenas mais um.

Enquanto álbum, o trabalho vale pra empolgar os fãs que esperam ver os caras ao vivo. Mas só.

Compartilhe
Assuntos

Veja também